Novos Projetos!

O Home-office veio mesmo para ficar

Novos Projetos!

Sim, a tendência é que ele seja mantido! 

Estudos recentes apontam que já é grande o número de empresas que pretende manter o home-office adotado em caráter de urgência durante a pandemia da COVID-19. Seja de forma integral ou parcial, ele veio mesmo para ficar!

Mas os estudos também apontam uma grande necessidade de adaptação dos processos de trabalho, pois, nesse primeiro momento, o home-office foi adotado sem o devido planejamento. Para garantir bons resultados, com conforto e segurança, é preciso estudar melhor as necessidades dos trabalhadores e das empresas, e ajustar os processos. 

A Ergonomia é, sem dúvida, a melhor alternativa para a transformação das empresas, especialmente em um mundo que muda tão rápido. A maior parte das empresas vão passar, ou já estão passando, por muitas mudanças, e aquelas que não quiserem ficar para trás terão que se adaptar - e a Ergonomia é o melhor caminho!  

Mas porque a Ergonomia é o melhor caminho? 

Com toda a avalanche de tecnologias a que estamos expostos, em um mundo repleto de volatilidade, incerteza, complexidade e ambiguidade, é necessário estarmos também em constante mudança. Do contrário, não conseguimos acompanhar e nos adaptar a essa nova revolução industrial.

Olhando as mudanças do mundo do trabalho sob o olhar da Ergonomia, especialmente frente às tecnologias 4.0, percebemos que os fatores de maior impacto nas condições ergonômicas são, de fato, os fatores de organização do trabalho. Percebe-se hoje que há ampla necessidade de conciliar o estudo das condições de trabalho e a gestão do trabalho, não há mais como fazer essas análises de forma isolada. 

A prevenção de doenças e acidentes do trabalho, assim como a melhoria na produtividade, exigem cada vez mais a valorização da Ergonomia nos projetos das empresas e na organização do trabalho. Com novas tecnologias, surgem novas exigências, e os trabalhadores, mais uma vez, precisam buscar suas adaptações. 

Para lidar com as mudanças e seus impactos, é necessário, antes, entender o que está acontecendo. As ações de Ergonomia são o caminho pois permitem estudar as facetas envolvidas no trabalho e assim traçar planos de ação focados em problemas reais. Por onde começar então? 

Diagnóstico da situação 

A primeira ação que devemos tomar é buscar o entendimento dos problemas, e a ERGUER oferece uma ferramenta para diagnóstico, de fácil e simples aplicação, porém com respostas objetivas e esclarecedoras: "O Questionário do Bem-Estar".

O instrumento permite avaliar a percepção dos trabalhadores acerca dos fatores do trabalho, em atividades administrativas e/ou gerenciais, em diversos segmentos empresariais. Por meio dessa ferramenta é possível identificar quais fatores do trabalho precisam ser mais bem ajustados ou desenvolvidos no intuito de atingir níveis maiores de bem-estar dos trabalhadores, eficácia em termos de produtividade organizacional, diminuição do absenteísmo, do presenteísmo e da rotatividade. 

Solicite o diagnóstico da sua empresa!
Entre em contato com a ERGUER para mais informações aqui mesmo no nosso site!

Compartilhe:
ERGUER – Gestão, Saúde e Ergonomia © 2007 - 2020